De junho de 2016 a junho de 2017, o CDVDH/CB executou o projeto “Juventude Livre para Transformar” que contou com financiamento do Fundo Brasil de Direitos Humanos, com o objetivo da prevenção da exclusão social de jovens, principalmente negros/as, pobres e moradores/as nos bairros periféricos do município de Açailândia, mediante a realização de ações socioculturais e formação cidadã para os grupos Afixirê (Dança de matriz africana) e o grupo Capoeira Cidadã, visando ainda que estes/as jovens elaboraram um relatório sobre a violência vivenciada pela juventude negra no Maranhão e especificamente no município de Açailândia a fim de dar visibilidade à criminalização da juventude negra e sensibilizar à sociedade e organismos de segurança pública em relação à agressão institucionalizada que atinge à juventude negra.

Como momento culminante do projeto foi realizado um seminário público na Câmara Municipal de Açailândia, onde foram apresentados dados do relatório e foi lida uma Carta de repúdio a todo tipo de violência e discriminação histórica, econômica e institucional que a população negra, especialmente a juventude, vivencia. No seminário participaram 72 pessoas, dentre elas, representantes da Secretaria Estadual de Direitos Humanos e Participação Popular - SEDIHPOP; Secretaria Municipal de Assistência Social e a mídia local.